Vivendo Pela Palavra

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Home Antropologia A Imagem de Deus - Calvino

A Imagem de Deus - Calvino

E-mail Imprimir PDF

A IMAGEM DE DEUS NO HOMEM – CALVINO

vivendopelapalavra.com

Revisão e versos acrescentados (RA) por Helio Clemente

A VERDADEIRA NATUREZA DA IMAGEM DE DEUS SÓ DETERMINÁVEL À LUZ DA CONCEPÇÃO BÍBLICA DA REGENERAÇÃO EM CRISTO

No entanto, parece que não houve ainda uma definição plena de imagem, a não ser quando se manifesta mais claramente por quais faculdades o homem sobressai e por quais deva ele ser julgado espelho da glória de Deus. Realmente não se pode conhecer melhor de outra parte senão da restauração de sua natureza corrompida.

Quando Adão caiu de seu estado original, não há a mínima dúvida de que, por esta defecção, ele veio a alienar-se de Deus. Portanto, embora concordemos que a imagem de Deus não foi nele aniquilada e apagada de todo, todavia foi corrompida a tal ponto que, qualquer coisa que lhe reste, não passa de horrível deformidade. E por isso o começo da recuperação da salvação o temos nesta restauração que conseguimos através de Cristo, o qual, por esta causa, é também chamado segundo Adão, visto que nos restitui a verdadeira e completa integridade.

Ora, ainda que Paulo, contrastando o espírito vivificante com que os fiéis são agraciados por Cristo com a alma vivente com que Adão foi criado ressalte a mais abundante medida de graça na regeneração, contudo não cancela esse outro ponto, a saber, que o propósito da regeneração é este: para que Cristo nos torne a moldar à imagem de Deus.

1 Coríntios 15,45: “Pois assim está escrito: O primeiro homem, Adão, foi feito alma vivente. O último Adão, porém, é espírito vivificante”.

Assim é que ensina, em outro lugar, que “o novo homem é renovado segundo a imagem daquele que o criou”:

Colossences 3,10: “E vos revestistes do novo homem que se refaz para o pleno conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou”.

Ao que se conforma essa outra injunção: “Revesti-vos do novo homem que foi criado segundo Deus”.

Efésios 4,24: “E vos revistais do novo homem, criado segundo Deus, em justiça e retidão procedentes da verdade”.

Importa agora ver o que Paulo compreende especialmente sob esta renovação. Põe ele, em primeiro lugar, conhecimento; em segundo, sincera retidão e santidade. Do que concluímos que, de início, a imagem de Deus foi presente na luz da mente, na retidão do coração e na saúde de todas as partes do ser humano. Ora, embora admita serem formas de expressão em sinédoque (o todo tomado pelas partes) não se pode, entretanto, anular este princípio: o que é primordial na renovação da imagem de Deus também teve lugar supremo na própria criação.

Ao mesmo propósito vem o que ensina em outra passagem: “Nós, a contemplar de face descoberta a glória de Cristo, estamos sendo transformados na mesma imagem”.

2 Coríntios 3,18: “E todos nós, com o rosto desvendado, contemplando, como por espelho, a glória do Senhor, somos transformados, de glória em glória, na sua própria imagem, como pelo Senhor, o Espírito”.

Vemos, pois, que Cristo é a perfeitíssima imagem de Deus, conformados à

qual somos de tal modo restaurados que trazemos a imagem de Deus em verdadeira piedade, retidão, pureza, entendimento.

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario

busy
 

Aviso

Somos um site cristão, em conformidade com os padrões reformados, não concordamos obrigatoriamente com as opiniões emitidas nos livros postados, todavia, sabemos que um cristianismo saudável somente pode ser exercido através do conhecimento. Desta forma, sigamos o conselho do apóstolo: "Julgai todas as coisas, retende o que é bom". Louvado seja Deus!

  • Temos para download 713 Livros
  • Este site tem um total de 1649 itens publicados em Artigos

Adicionar aos Favoritos

Adicione aos Favoritos!

Estatísticas

vivendopelapalavra.com
Na internet desde Outubro/2011
Total de visitas até outubro de 2017:
934.835
Total de páginas visitadas até setembro/2017:
2.405.646