Vivendo Pela Palavra

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Home Comentários Bíblicos Tito 2,11 - Matthew Henry

Tito 2,11 - Matthew Henry

E-mail Imprimir PDF

TITO 2,11

vivendopelapalavra.com

Por: Helio Clemente (Baseado em um comentário de M. Henry)

 

Tito 2,11 (RA): “Porquanto a graça de Deus se manifestou salvadora a todos os homens”.

Tito 2,11 (KJV): “For the grace of God that brings salvation has appeared to all men (Porquanto a graça de Deus que traz salvação se manifestou a todos os homens).

Tito 2,14: “O qual a si mesmo se deu por nós, a fim de remir-nos de toda iniquidade e purificar, para si mesmo, um povo exclusivamente seu, zeloso de boas obras”.

Tito 3,4-7: “Quando, porém, se manifestou a benignidade de Deus, nosso Salvador, e o seu amor para com todos (nós), não por obras de justiça praticadas por nós, mas segundo sua misericórdia, ele nos salvou mediante o lavar regenerador e renovador do Espírito Santo, que ele derramou sobre nós ricamente, por meio de Jesus Cristo, nosso Salvador, a fim de que, justificados por graça, (nós) nos tornemos seus herdeiros, segundo a esperança da vida eterna”.

Despedida e saudação:

Tito 3,15: Todos os que se acham comigo te saúdam; saúda quantos nos amam na fé. A graça seja com todos vós”.

- Manifestou a todos os homens: Não apenas para os judeus, quando a glória de Deus apareceu no Monte Sinai para um povo particular, e fora da vista de todos os outros. A graça do evangelho esta aberta para todos e todos são convidados a vir e participar dos seus benefícios, tanto os gentios como os judeus. A pregação do evangelho é livre e geral - “fazer discípulos de todas as nações” - “pregar o evangelho a toda a criatura”.

A parede foi derrubada, não existe mais exclusividade ao povo judeu como antigamente. A pregação de Cristo foi mantida em segrego desde o início do mundo, mas agora se manifestou.

Romanos 16,25-26: “Ora, àquele que é poderoso para vos confirmar segundo o meu evangelho e a pregação de Jesus Cristo, conforme a revelação do mistério guardado em silêncio nos tempos eternos, e que, agora, se tornou manifesto e foi dado a conhecer por meio das Escrituras proféticas, segundo o mandamento do Deus eterno, para a obediência por fé, entre todas as nações”.

A doutrina da graça e da salvação pelo evangelho é para todos os tipos e raças de homens, agora unidos e encorajados para receberem e acreditarem no evangelho.

Esta revelação do evangelho é para ensinamento, não somente para informação e instrução, da forma que um mestre faz com seus alunos, mas para preceituar e comandar, como um sacerdote dá as leis aos seus seguidores. O evangelho não é somente ensino, mas prática e ordenação de vida, desta forma, ele nos ensina:

- Abandonar o pecado: Renunciando à impiedade e às paixões mundanas, pondo fora o procedimento anterior, do velho homem que se corrompe, ou seja, todo o corpo de pecados, aqui distribuídos em impiedade e as paixões mundanas.

Efésios 4,22: “No sentido de que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe segundo as concupiscências do engano”.

- A consciência do bem e do mal: É preciso ter consciência de que o que é bom para viver sóbria, justa e piedosamente. Religião não é feita apenas de negativos, não deve somente evitar o mal, mas fazer o bem de forma positiva. Devemos viver sobriamente com relação a nós mesmos, no governo que os nossos apetites e paixões, mantendo os limites da moderação e temperança, evitando todos os excessos desregrados e fazendo justiça para com todos os homens, dando a todos lhes é devido, e fazendo o bem para os outros, de acordo com a nossa capacidade e a sua necessidade.

1 Coríntios 10,24: “Ninguém busque o seu próprio interesse, e sim o de outrem”.

- As promessas de Cristo: Viver o evangelho não é somente praticar uma vida cristã plena, mas principalmente, buscar a glória do mundo do porvir, este mundo material é uma mera preparação para a glória que virá no mundo do porvir. Todas as promessas de Cristo são para a vida eterna, ele mesmo diz que: “Neste mundo passareis por aflições”.

Não podemos e não devemos esperar as promessas de Cristo para este mundo material, as promessas do evangelho são para o mundo do porvir.

1 Coríntios 15,19: “Se a nossa esperança em Cristo se limita apenas a esta vida, somos os mais infelizes de todos os homens”.

 

 

 

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario

busy
 

Aviso

Somos um site cristão, em conformidade com os padrões reformados, não concordamos obrigatoriamente com as opiniões emitidas nos livros postados, todavia, sabemos que um cristianismo saudável somente pode ser exercido através do conhecimento. Desta forma, sigamos o conselho do apóstolo: "Julgai todas as coisas, retende o que é bom". Louvado seja Deus!

  • Temos para download 713 Livros
  • Este site tem um total de 1649 itens publicados em Artigos

Adicionar aos Favoritos

Adicione aos Favoritos!

Estatísticas

vivendopelapalavra.com
Na internet desde Outubro/2011
Total de visitas até outubro de 2017:
934.835
Total de páginas visitadas até setembro/2017:
2.405.646

Assista Também