Aviso

Somos um site cristão, em conformidade com os padrões reformados, não concordamos obrigatoriamente com as opiniões emitidas nos livros postados, todavia, sabemos que um cristianismo saudável somente pode ser exercido através do conhecimento. Desta forma, sigamos o conselho do apóstolo: “Julgai todas as coisas, retende o que é bom”. Louvado seja Deus!

ESTATÍSTICAS

vivendopelapalavra.com
Na internet desde Outubro/2011
Total de visitas até abril de 2018:
1.014.252
Total de páginas visitadas até abril 2018:
2.591.717

Mais Baixados

Antropologia

A Carne

A Carne

vivendopelapalavra.com

Por: Helio Clemente

A palavra carne, na Escritura pode ter diversos significados: O corpo humano, a carne de animais destinados à alimentação, parentesco, a fraqueza da natureza humana, a raça humana, o aspecto manifesto da natureza humana, o corpo humano.

Justiça própria – Jeremias 17,5: “Assim diz o SENHOR: Maldito o homem que confia no homem, faz da carne mortal o seu braço e aparta o seu coração do SENHOR!”.

Revelação humana – Mateus 16,17: “Então, Jesus lhe afirmou: Bem-aventurado és, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue que to revelaram, mas meu Pai, que está nos céus”.

A constituição física do homem – João 3,6: “O que é nascido da carne é carne; e o que é nascido do Espírito é espírito”.

Mente humana – João 8,15: “Vós julgais segundo a carne, eu a ninguém julgo”.

A humanidade – Gênesis 6,13: “Então, disse Deus a Noé: Resolvi dar cabo de toda carne, porque a terra está cheia da violência dos homens; eis que os farei perecer juntamente com a terra”.

Carne de animais – Gênesis 9,4: “Carne, porém, com sua vida, isto é, com seu sangue, não comereis”.

A natureza depravada do homem: Gálatas 5,19-21: “Ora, as obras da carne são conhecidas e são: prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, ciúmes, iras, discórdias, dissensões, facções, invejas, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas, a respeito das quais eu vos declaro, como já, outrora, vos preveni, que não herdarão o reino de Deus os que tais coisas praticam”.

Pode-se, então, concluir que a Escritura exclui totalmente qualquer interpretação dualística do homem, sendo que a ênfase em todos os aspectos é para a pessoa total: Corpo e alma.

Calvino – Institutas, Livro II: “O postulado do Senhor é: ao homem importa nascer de novo [João 3,3], porque ele é carne [João 3,6: “O que é nascido da carne é carne; e o que é nascido do Espírito é espírito”]. Não está preceituando nascer de novo em relação ao corpo (ou da alma)… E isto é confirmado pela antítese estabelecida em uma e outra destas duas passagens, pois de tal modo o Espírito Santo é contrastado com carne, que nada é deixado entre ambos. Logo, tudo que no homem não é espiritual, segundo este arrazoado, diz-se ser carnal. Nada, porém, temos do Espírito senão pela regeneração. Portanto, tudo quanto temos da natureza é carne (corpo e alma)”.

Sobre o autor

Hélio Clemente

Meu nome é Helio Clemente: Tenho 66 anos, sou engenheiro, brasileiro, divorciado, graduado pela USP em 1967. Não defendo ou divulgo nenhuma denominação em particular, cristianismo é somente o evangelho, e o evangelho é toda a Escritura, desde o Gênesis até o Apocalipse.

comente

Clique aqui para enviar um comentário