Aviso

Somos um site cristão, em conformidade com os padrões reformados, não concordamos obrigatoriamente com as opiniões emitidas nos livros postados, todavia, sabemos que um cristianismo saudável somente pode ser exercido através do conhecimento. Desta forma, sigamos o conselho do apóstolo: “Julgai todas as coisas, retende o que é bom”. Louvado seja Deus!

ESTATÍSTICAS

vivendopelapalavra.com
Na internet desde Outubro/2011
Total de visitas até setembro de 2018:
1.031.328
Total de páginas visitadas até setembro 2018:
2.632.612

Mais Baixados

Teologia - Curso de Teologia online - gratuíto

A ELEIÇÃO E O MEDO

A ELEIÇÃO E O MEDO

vivendopelapalavra.com

Por: Helio Clemente

 

Este é um pequeno texto sobre um assunto de grande importância, a inspiração do tema vem do grande pregador inglês Charles Spurgeon, o qual desenvolvemos brevemente neste estudo.

Romanos 8,15: “Porque não recebestes o espírito de escravidão, para viverdes, outra vez, atemorizados, mas recebestes o espírito de adoção, baseados no qual clamamos: Aba, Pai”.

Texto básico: “para viverdes, outra vez, atemorizados”.

A crença no Deus cristão, soberano e determinador, leva o crente a ser ousado, a eleição do cristão faz dele uma pessoa destemida e audaciosa. Aquele que Deus escolheu não se agitará nem tremerá, mesmo diante da própria morte.

Salmos 23,4: “Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo; o teu bordão e o teu cajado me consolam”.

Nenhum homem será tão corajoso quanto aquele que crê ser eleito de Deus. Que inquieta ao homem se ele é eleito do seu Criador? Esta é uma doutrina que deve ser pregada em todas as circunstâncias, no púlpito ou fora dele, fora a doutrina da predestinação não existe cristianismo.

Todavia, parece que nossos líderes religiosos vivem ainda atemorizados diante dos homens e muito poucos são aqueles que tem a coragem de abordar a doutrina da predestinação de forma franca e corajosa como deve ser feito.

Por que isto? Porque estes religiosos, formais e legalistas, não foram escolhidos, não clamam: Abba, Pai. Estão preocupados em agradar a homens e sua pregação se resume a moralidade e comportamento social, falta-lhes coragem para afrontar os homens, preferem falsear a Palavra.

Gálatas 1,10: “Porventura, procuro eu, agora, o favor dos homens ou o de Deus? Ou procuro agradar a homens? Se agradasse ainda a homens, não seria servo de Cristo”.

Veja com atenção o verso do Apocalipse abaixo, onde os covardes encabeçam a lista daqueles que são destinados ao lago de fogo eterno:

Apocalipse 21,8: “Quanto, porém, aos covardes, aos incrédulos, aos abomináveis, aos assassinos, aos impuros, aos feiticeiros, aos idólatras e a todos os mentirosos, a parte que lhes cabe será no lago que arde com fogo e enxofre, a saber, a segunda morte”.

Ora, se alguém lhe diz: faça isto, faça aquilo, tenha certeza que não é um escolhido de Deus, o cristianismo não é faça isto ou aquilo, o cristianismo é: Está consumado! Estas são palavras literais de Cristo, nada mais nos resta a fazer, veja no verso abaixo, de Paulo, que o justo viverá pela fé, pelas obras da lei ninguém será justificado diante de Deus.

Gálatas 3,11: “E é evidente que, pela lei, ninguém é justificado diante de Deus, porque o justo viverá pela fé”.

Sobre o autor

Hélio Clemente

Meu nome é Helio Clemente: Tenho 72 anos, sou engenheiro, brasileiro, divorciado, graduado pela USP em 1967. Não defendo ou divulgo nenhuma denominação em particular, cristianismo é somente o evangelho, e o evangelho é toda a Escritura, desde o Gênesis até o Apocalipse.

comente

Clique aqui para enviar um comentário