Aviso

Somos um site cristão, em conformidade com os padrões reformados, não concordamos obrigatoriamente com as opiniões emitidas nos livros postados, todavia, sabemos que um cristianismo saudável somente pode ser exercido através do conhecimento. Desta forma, sigamos o conselho do apóstolo: “Julgai todas as coisas, retende o que é bom”. Louvado seja Deus!

ESTATÍSTICAS

vivendopelapalavra.com
Na internet desde Outubro/2011
Total de visitas até março de 2019:
1.066.209
Total de páginas visitadas até março 2019:
2.789.891

Mais Baixados

Bíblias

Evidência Que Exige Um Veredito – J. MC DOWELL

Prefácio
O QUÊ? MAIS UM LIVRO?!
Não, este não é um livro. É uma compilação de anotações que preparei para minha série de palestras intitulada “Cristianismo: Fraude ou História?”
Tem existido uma clara deficiência de obras na área de documentação das provas históricas da fé cristã.
Freqüentemente estudantes, professores e leigos têm indagado: “Como podemos ter essas informações e usar isso que você e outras pessoas têm ensinado?”
POR QUE UMA EDIÇÃO REVISTA?
Desde que a primeira edição de Evidência que Exige um Veredito foi publicada em inglês, em 1972, novas e significativas descobertas têm ocorrido, confirmando ainda mais as provas históricas da fé cristã.
Por exemplo, a primeira edição deste livro documenta que existiam mais de 13.000 cópias manuscritas de porções do Novo Testamento. Hoje em dia sabemos que existem mais de 24.000 porções manuscritas.
Como outro exemplo, desde 1974 escavações arqueológicas têm desenterrado cerca de 17.000 documentos escritos, da época do reino de Ebla, situado na região que hoje fica no norte da Síria. O estudo desse material tem dado um apoio valioso à autoria mosaica e à fidedignidade histórica do Pentateuco.
Essas e muitas outras descobertas me convenceram de que uma segunda edição de Evidência que Exige um Veredito era necessária, a fim de manter os cristãos atualizados acerca das mais recentes informações que comprovam a nossa fé.
O QUE FAZER COM ISTO?
Meu desejo é que estas anotações ajudem meus irmãos e irmãs em Jesus Cristo a escreverem trabalhos para a escola ou faculdade, darem palestras e introduzirem nos debates em classe suas convicções a respeito de Cristo, das Escrituras e da relevância do cristianismo no século XX.
Estudantes universitários têm comentado sobre como eles têm feito uso destas anotações.
Um deles escreveu: “… Na matéria de Oratória, usei as suas anotações para preparar as três palestras que eu tinha de apresentar em classe. A primeira foi sobre a fidedignidade das Escrituras; a segunda, sobre Jesus Cristo; e a terceira, sobre a ressurreição”.
Um outro estudante escreveu: “… Seus dados documentados têm encorajado muitos de nós a falar, sem vacilação, nas classes… A ousadia dos cristãos está se tornando evidente em todos os lugares”.
E ainda um outro disse: “Usei as anotações na preparação de uma alocução para um concurso de oratória. Ganhei o concurso e estarei apresentando o mesmo discurso por ocasião da formatura. Muito obrigado, meu irmão”.
PRESTE ATENÇÃO À SUA ATITUDE
A motivação correta por detrás do uso destas anotações de palestras é glorificar e exaltar Jesus Cristo — não ganhar uma discussão. O objetivo destas provas não é confirmar a Palavra de Deus, mas apenas fornecer uma base para a fé.
Deve-se ter um espírito de mansidão e temor ao se fazer apologética ou apresentar as provas históricas: “Santificai a Cristo, como Senhor, em vossos corações, estando sempre preparados para responder a todo aquele que vos pedir razão da esperança que há em vós, fazendo-o, todavia, com mansidão e temor” (1 Pedro 3:15).
Estas anotações, utilizadas com a atitude apropriada, ajudarão a motivar uma pessoa a considerar honestamente Jesus Cristo e a trazê-la de volta ao assunto central e fundamental: o evangelho (tal como se vê nas Quatro Leis Espirituais, apresentadas no final deste livro).
Minha filosofia sempre tem sido a seguinte: depois de compartilhar Cristo com alguém que tem dúvidas sinceras, apresentar-lhe informações suficientes que respondam suas perguntas e satisfaçam sua curiosidade, e, então, voltar a conversa para o assunto de seu relacionamento com Cristo. A apresentação das provas (apologética) jamais deve substituir o uso da Palavra de Deus.
POR QUE O COPIRRAITE?
A razão por que estas anotações estão sob a proteção do copirraite não é limitar o seu uso, mas protegê-las do uso indevido e salvaguardar os direitos dos autores e editoras das inúmeras citações que fiz e documentei.
POR QUE EM FORMA DE ESBOÇO?
Pelo fato de as anotações estarem em forma de esboço e as transições entre os vários conceitos não estarem muito desenvolvidas no papel, o uso deste material será proveitoso à medida que a pessoa gastar tempo pensando em cada seção do livro e desenvolvendo suas próprias convicções. Dessa maneira, isso passará a ser sua própria mensagem e não a simples repetição do que alguma outra pessoa disse.
A estrutura das anotações, em forma de esboço, poderá às vezes fazer uma pessoa entender errado uma ilustração ou conceito. Tome cuidado ao tirar conclusões quando não entender algo claramente. Estude o assunto m mais profundidade e investigue outras fontes.
UM INVESTIMENTO PARA TODA A VIDA
A seguir apresento livros que recomendo aos leitores terem em sua biblioteca particular. São também livros muito bons para doar à biblioteca de sua universidade. (Muitas vezes as bibliotecas de faculdades e universidades adquirem livros por solicitação dos alunos.)

  1. ARCHER, Gleason. Merece Confiança o Antigo Testamento. São Paulo: Vida Nova, 1974.
  2. BRUCE, F. F. The Books and the Parchments (Os Livros e os Pergaminhos). Westwood: Fleming
    Revell, 1969.
  3. ————Merece Confiança o Novo Testamento? São Paulo: Junta Editorial Cristã, 1965.
  4. GEISLER, Norman L. e NIX, William E. A General Introduction to theBible (Uma Introdução
    Geral a Bíblia). Chicago: Moody, 1968.
  5. HENRY, Carl, ed. Revelation and the Bible (A Revelação e a Bíblia). Grand Rapids: Baker.
  6. KITCHEN, K. A. Ancient Orient and Old Testament (O Antigo Oriente e o Antigo Testamento).
    Downers Grove: Inter Vasity.
  7. LITTLE, Paul. Você pode explicar sua fé? São Paulo: Mundo Cristão, 1972.
  8. MONTGOMERY, John Warwick. History and Christianity (A História e o Cristianismo). Downers
    Grove: Inter Vasity, 1972.
  9. ——————— Shapes of the Past (Imagens do Passado). Ann Arbor: Edwards Brothers, 1962.
  10. PINNOCK, Clark. Viva agora, amigo. Atibaia: Fiel.
  11. RAMM, Bernard. Protestant Christian Evidences (Provas Cristãs Protestantes). Chicago: Moody,
    1954.
  12. SMITH, Wilbur. Therefore Stand (Permanecei, pois, firmes). Grand Rapids: Baker, 1945.
  13. STONER, Peter. Science Speaks (A Ciência Fala) Chicago: Moody, 1963.
  14. STOTT, John. Cristianismo Básico. São Paulo: Vida Nova, 1964.
  15. THOMAS, Griffith. Christianity is Christ (Cristianismo é Cristo) Chicago: Moody.
    QUEM FOI QUE DISSE?
    Foram gastos aproximadamente 5.000 homens-hora para identificar as fontes originais de um dado ou
    informação. Na bibliografia, no final de cada capítulo, o leitor encontra centenas de fontes documentadas,
    que poderá usar com confiança.
    Na compilação desta pesquisa, trabalhou comigo uma equipe de onze estudantes, de nove faculdades ou
    universidades diferentes. Tudo começou quando vários deles me abordaram, indagando a possibilidade de
    trabalhar
    no projeto de modo que pudessem receber créditos para seus cursos. (Desde então todos eles já se
    formaram.)
    MEMBROS DA EQUIPE DE PESQUISA
    Doug Wilder — Universidade do Estado de Michigan
    PESQUISA: As Vidas dos Apóstolos
    Phil Edwards — Universidade do Estado de Ohio
    PESQUISA: Idéias Messiânicas
    Ron Lutjens — Universidade de Bowling Green
    PESQUISA: A Fidedignidade Histórica do Antigo Testamento
    Wayne Trout — Instituto Politécnico de Virgínia
    PESQUISA: O Caráter de Cristo
    Brent Nelson — Universidade de Indiana
    PESQUISA: Declarações de Cristo quanto à sua Deidade
    David Sheldon — Universidade do Estado de Ohio
    PESQUISA: Profecias Messiânicas
    Franck Dickerson — Universidade do Estado de Ohio
    PESQUISA: A Ressurreição
    Steve Smith — Instituto Politécnico de Virgínia
    PESQUISA: As Provas de Vidas Transformadas
    James Davis — Instituto Politécnico de Louisiana
    PESQUISA: Profecias
    Linn Smith — Universidade Estadual do Norte do Texas
    PESQUISA: Acontecimentos Atuais
    Stick Ustick — Universidade Estadual de Sacramento
    MEMBRO ASSOCIADO DA EQUIPE DE PESQUISA

Sobre o autor

Hélio Clemente

Meu nome é Helio Clemente: Tenho 72 anos, sou engenheiro, brasileiro, divorciado, graduado pela USP em 1967. Não defendo ou divulgo nenhuma denominação em particular, cristianismo é somente o evangelho, e o evangelho é toda a Escritura, desde o Gênesis até o Apocalipse.

comente

Clique aqui para enviar um comentário