Aviso

Somos um site cristão, em conformidade com os padrões reformados, não concordamos obrigatoriamente com as opiniões emitidas nos livros postados, todavia, sabemos que um cristianismo saudável somente pode ser exercido através do conhecimento. Desta forma, sigamos o conselho do apóstolo: “Julgai todas as coisas, retende o que é bom”. Louvado seja Deus!

ESTATÍSTICAS

vivendopelapalavra.com
Na internet desde Outubro/2011
Total de visitas até março de 2019:
1.066.209
Total de páginas visitadas até março 2019:
2.789.891

Mais Baixados

Comentários Bíblicos

Introdução e Comentário (Antigo Testamento) vol. 16 – Provérbios

PREFÁCIO GERAL
As boas-vindas dadas à série de Comentários “Tyndale” do Novo Testamento, e muitos pedidos, nos animam a lançar volumes adicionais, tendo como alvo uma série de comentários para todo o Antigo Testamento.
O alvo desta série é equipar o estudante da Bíblia com um comentário conveniente e atualizado sobre cada Livro, ressaltando-se em primeiro lugar a exegese. As questões críticas de maior importância se discutem nas introduções e notas adicionais, mas detalhes técnicos desnecessários foram evitados. O tamanho de alguns livros do Antigo Testamento não permitirá um tratamento pormenorizado, já que estes comentários têm de ficar dentro de um espaço e preço moderados; mesmo assim, considerações que visam estimular o pensamento devocional não se excluem inteiramente, para o bem do estudante da Bíblia e do pregador.
Embora todos os autores sejam unidos na sua crença quanto à inspiração divina, fidedignidade essencial e relevância prática das Sagradas Escrituras, os autores individuais fizeram livremente as suas próprias contribuições. Nenhuma uniformidade detalhada de método foi imposta quanto ao modo de tratar livros que variam muito quanto ao assunto, à forma e ao estilo como os do Antigo Testamento.
No Antigo Testamento, especialmente, nenhuma tradução é suficiente, por si mesma, para refletir o texto original. Os autores destes comentários, portanto, citam livremente várias versões, ou oferecem sua própria tradução, na tentativa de tornar significantes em nossos dias as passagens ou palavras mais difíceis. Quando há necessidade, palavras do Texto Massorético hebraico (e aramaico) que subjazem estes estudos são transliteradas. Desta maneira, o leitor que talvez não tenha familiaridade com as línguas semíticas, será ajudado a identificar a palavra sob discussão, podendo, assim, acompanhar o argumento. Outros observarão que estas transliterações seguem um padrão bem reconhecido (conforme se emprega, por exemplo, no Novo Dicionário da Bíblia, 1962). A cada passo nestes comentários, pressupõe-se que o leitor tenha à mão uma boa versão da Bíblia em português, ou até mais.
Há sinais de um interesse renovado no significado e na mensagem do Antigo Testamento, e espera-se que esta série venha a promover o estudo sistemático da revelação de Deus, da Sua vontade e dos Seus caminhos conforme se vêem nestes registros. É a oração do editor e da editora, como também dos autores, que estes volumes ajudem muitas pessoas a compreenderem a Palavra de Deus e a corresponderem a ela hoje.
D. J. Wiseman

PREFÁCIO DO AUTOR
“Na multidão de palavras não falta transgressão” (Pv 10:19 ARC); quando se trata de sessenta mil delas, um prefácio nada fará para melhorar a situação. Mesmo assim, desejo agradecer àqueles que me indicaram várias notas e estudos de assuntos no Livro de Provérbios que, doutra forma, teria deixado passar em branco. Nos meus tempos de estudante, meus pés foram dirigidos para este caminho pelo Professor D. W. Thomas, para maior benefício meu; não se deve pensar, porém, que meu progresso errático seja culpa dele. Em tempos mais recentes, também desfrutei do estímulo e conselho de membros do Grupo Veterotestamentário da Comunidade Tyndale, especialmente do Professor D. J. Wiseman e do Sr. K. A. Kitchen — mas eles, também, devem ser inocentados de qualquer cumplicidade pelas conclusões que tirei, sendo elas minhas próprias.
Pede-se ao leitor que tenha paciência com discussões que às vezes se tomam um pouco técnicas, pois mesmo num comentário breve, a primeira preocupação tem de ser o significado do texto. Mesmo assim, para formar um contrapeso a esta atenção a detalhes, incluí duas ajudas para a “navegação”, mediante as quais se torna mais fácil a exploração de Provérbios de fio a pavio. A primeira é uma coleção de estudos de assuntos, na qual oito tópicos principais de ensino, espalhados pelo Livro inteiro, têm suas respectivas matérias juntadas; a segunda é uma breve concordância que talvez servirá para o propósito duplo de localizar ditados que nos escapam à memória (num Livro onde, bem se sabe, há dificuldade em fixar a posição de provérbios individuais), e de providenciar os inícios de estudos adicionais por assunto. Por tais meios, possa a negligenciada riqueza dos Provérbios achar seu caminho para muitas mãos novas.
Derek Kidner

Sobre o autor

Hélio Clemente

Meu nome é Helio Clemente: Tenho 72 anos, sou engenheiro, brasileiro, divorciado, graduado pela USP em 1967. Não defendo ou divulgo nenhuma denominação em particular, cristianismo é somente o evangelho, e o evangelho é toda a Escritura, desde o Gênesis até o Apocalipse.

comente

Clique aqui para enviar um comentário