Aviso

Somos um site cristão, em conformidade com os padrões reformados, não concordamos obrigatoriamente com as opiniões emitidas nos livros postados, todavia, sabemos que um cristianismo saudável somente pode ser exercido através do conhecimento. Desta forma, sigamos o conselho do apóstolo: “Julgai todas as coisas, retende o que é bom”. Louvado seja Deus!

ESTATÍSTICAS

vivendopelapalavra.com
Na internet desde Outubro/2011
Total de visitas até dezembro de 2018:
1.044.878
Total de páginas visitadas até dezembro 2018:
2.685.617

Mais Baixados

Comentários Bíblicos

Introdução e Comentário (Antigo Testamento) vol. 2 – Êxodo

PREFÁCIO DO AUTOR
É com emoções em conflito que me despeço de Êxodo, pois sintome
como se estivesse dando adeus a um velho amigo. Tenho certeza que
o corpo editorial da Tyndale Press, que suportou com paciência os meus atrasos durante os últimos anos, concordará com essa estimativa, embora seus sentimentos talvez não passem pelo mesmo conflito.
Para mim, é de bom augúrio o fato de este comentário ter sido iniciado
em Cingapura, no Trinity College; terminado em Sydney, no Moore
College; e que o prefácio esteja sendo enviado do Robert Menzies College,
da Universidade Macquarie. Se o comentário tivesse uma dedicatória,
eu o dedicaria às três escolas.
Estou bem a par (e ninguém mais do que eu) das deficiências deste
comentário. Esforcei-me deliberadamente para ser explicativo e
exegético, em vez de devocional, em todo ele, tendo em vista o objetivo
principal da presente série. Não que eu discorde sob algum aspecto do
uso devocional do Velho Testamento (longe disso), mas devo deixar a
outros essa tarefa.
Uma coisa peço., que os leitores abram primeiramente na seção introdutória sobre “ A Teologia de Êxodo” (páginas 19ss.), com o objetivo
de adquirir a perspectiva da qual depende todo o resto do livro.
Uma leitura prévia dessa divisão significa que o leitor, além de aproveitar
melhor o comentário, aproveitará ainda mais o livro de Êxodo (o
que é muito mais importante). Para que se faça justiça é preciso dizer
que mesmo essa introdução teológica é fruto de uma das muitas sugestões
úteis que me foram feitas por estudiosos mais capazes que eu, ao
lerem o manuscrito em sua forma original. Não farei menção de seus
nomes: não é exagero, porém, afirmar que se este livro tem quaisquer
pontos positivos, isso se deve às suas amáveis sugestões. Pelas imperfeições
e pontos obscuros que permaneceram, eu mesmo devo ser considerado
responsável.
Outubro de 1972

R. Alan Cole

Sobre o autor

Hélio Clemente

Meu nome é Helio Clemente: Tenho 72 anos, sou engenheiro, brasileiro, divorciado, graduado pela USP em 1967. Não defendo ou divulgo nenhuma denominação em particular, cristianismo é somente o evangelho, e o evangelho é toda a Escritura, desde o Gênesis até o Apocalipse.

comente

Clique aqui para enviar um comentário